Estiagem começa a afetar captação de água para Niterói e São Gonçalo

A falta de chuva durante o mês de agosto já está causando a redução do volume de água captada pela Cedae no sistema Imunana-Laranjal, responsável pelo abastecimento de água de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá. A empresa anunciou hoje (27/08), que está operando com 88% de sua capacidade total.

Por sua vez, a concessionária Águas de Niterói, que distribui nesse município a água tratada pela Cedae,  informa que a vazão foi reduzida, mas ainda sem impactos no abastecimento da cidade. Em nota, ressalta que, “caso a estiagem afete o município, informaremos à população”.

Para agosto era prevista uma média de chuva de 49mm. Mas, até hoje (27) só choveu cerca de 29mm. Com isso, os rios Guapiaçu e Macacu, que estão com o seu volume de água reduzido, não conseguem abastecer em sua totalidade o sistema de Imunana-Laranjal, localizada no município de Guapimirim.

Em nota, a Cedae solicitou aos moradores para evitarem o desperdício de água e priorizar apenas as tarefas mais essenciais. Também informou que quem ficar sem água, pode fazer o pedido de carro-pipa pelo número 0800-282-1195.

 

Notícias Relacionadas:

Facebooktwittergoogle_plus
Conteúdo: Nota Bene Editora | Designed by HospedaNit.